Dicas de cafés e restaurantes na cidade de Mozart

Desvende cada pedacinho gastronômico de Salzburg



A fama de bons restaurantes e cafés em Salzburg é muito extensa. Em dois dias e três noites na cidade, consegui explorar lugares históricos e contemporâneos regados a muito sabor e tradição. Olha, eu confesso que tive que respirar e contar até dez para não sair experimentando tudo o que passava pela minha frente, há muita coisa boa para apreciar por aqui.

A cultura do café dentro da Áustria é muito forte e interessante. Antigamente as pessoas iam aos cafés para se proteger do intenso frio e durante a Segunda Guerra Mundial eram refúgios de proteção contra bombas e ameaças. Salzburg preserva esta cultura de uma maneira muito linda, as grandes redes de cafeterias não conseguem sucesso por aqui, os austríacos adoram os cafés artesanais e os consomem diariamente como manda a tradição.

Já os restaurantes, encontrei um leque extenso de opções de culinária local e internacional. Selecionei os que mais gostei e que de certa forma oferecem alguma experiência ao viajante. Um ponto interessante a ressaltar é que na região de Salzburg a cultura cervejeira é muito aflorada, bem mais que vinho, e os restaurantes exploram bastante a bebida! Preparem os sentidos e vamos lá!

Cafés

Tomaselli

Considerado o café mais antigo de toda a Áustria, segundo os moradores de Salzburg, este charmoso e histórico lugar fica bem no coração da cidade. Dizem que foi aqui, nestas cadeiras, que a ideia de produzir o famoso festival de música da cidade foi criada, em 1920.

A maneira mais tradicional de conhecer o Tomaselli é apreciando seu famoso café da manhã, são opções que não acabam mais. Outra maneira é, durante o dia, fazer uma paradinha aqui para descansar e experimentar um saboroso café junto com um de seus doce. Já adianto que segurar a ansiedade (e a boca, rs) aqui é difícil, são muitas delicias em um lugar só.

Sacher

A tradicionalíssima torta de chocolate Sacher enche este lugar durante todo o dia. Situado dentro de uma rico e incrível hotel, o café Sacher tem uma tradição austríaca importantíssima, que expandiu seus horizontes através da gastronomia. A receita desta torta para vocês terem uma ideia é guardada a sete chaves até os dias de hoje.

Vale a pena experimentar a famosa torta durante um café da tarde e sentir-se como uma princesa (ou príncipe), o lugar é absurdamente lindo e os funcionários apesar do constante movimento, conseguem te dar a devida atenção e tratar como um membro da realeza, rs!

Restaurantes

Zum Evlenspiegel

Este lugar é uma verdadeira relíquia em Salzburg. Recomendado por uma guia local, a simpática Betina acertou em cheio na indicação! Eu simplesmente amei cada pedacinho deste restaurante. Primeiro que o prédio já é uma atração, são mais de 680 anos de história. O menu destaca bastante a culinária local e muitos dos ingredientes são fresquinhos vindo diretamente da fazenda que a família cultiva organicamente. A carta de vinhos oferece diferentes opções, ressaltando bastante vinhos austríacos e franceses. Ah! As cervejas também marcam forte presença seja no almoço ou no jantar!

Gabler Brau

Foi o primeiro restaurante que conheci na cidade. Além de turistas, descobri que os locais também frequentam este restaurante devido suas tradições e qualidade. O Gabler Brau fica em um prédio de 1429 e conserva com muito orgulho as transformações que o lugar sofreu durante todos estes anos. O restaurante é tão interessante que parece que você está dentro da história: vitrais, uma sala neogótica com esculturas medievais, teto abobadado no centro, e outros detalhes que só estando lá para entender. O cardápio é bem amplo, vai de peixes, sopas, massas a gastronomia local com o famoso Wiener Schnitzel. O menu de cervejas é bem explorado, como a cultura cervejeira de Salzburg manda.

Losteria

Restaurante italiano, moderno e fica aberto até mais tarde, um diferencial. Gostei da música descontraída, da decoração super contemporânea e da atenção dos funcionários. Achei os pratos muito bem servidos por preços acessíveis. O menu de bebidas é bom e bem variado.

Monchsberg 32

Este glamoroso restaurante fica dentro do prédio do Museu de Arte Moderna da cidade, no alto de uma colina. Para chegar lá é preciso pegar um elevador. Apesar de ser muito elegante o restaurante não tem frescuras, o que me deixou bem a vontade. A decoração é um espetáculo e a vista para a cidade faz com que este lugar seja especial. Os menu abrange desde a cozinha tradicional austríaca à mediterrânica, e a seleção de vinhos é enxuta e apurada. Sugiro fazer reservas para o jantar.

Seja através da gastronomia local, ou de outras partes do mundo, Salzburg esta de parabéns pela majestosa qualidade de cafés e restaurantes que oferece. Eu já me declarei fã desta cidade e quero voltar muitas outras vezes para descobrir mais delícias escondidas em suas históricas vielas.

Saiba mais sobre Salzburg:

O que fazer em Salzburg, a cidade que respira música
Augustiner Brau, o maior pub cervejeiro da Áustria

Publicitária, paulista, pós graduada em Negócios e Empreendedorismo. Já fez intercâmbio para a Inglaterra, conhece mais de 30 países e 300 cidades em todo o mundo. É apaixonada por história da arte, música, dança e não dispensa jamais um bom café! No dia a dia aplica o que tem como lema: comunicar que o turismo, juntamente com a arte, tem o poder de transformar as pessoas e mudar o mundo.

1 Comment

Deixe seu comentário